Dieta dos 21 Dias

AS MÚSICAS QUE FIZ PRA NOZES

Alegria Alegria - Análise de Música.

Essa canção foi apresentada no terceiro festival de música popular brasileira, promovido pela TV Record, no ano de 1967, icônico evento, que pelo conjunto da obra apresentada abalou as estruturas da música brasileira da época.
A iniciativa de subir no palco do festival, com a presença de um grupo de rock formado por argentinos, os beats boys e a introdução de instrumentos eletrônicos, até então estranhos a MPB, causou reações dos puristas da música popular brasileira, que receberam Caetano abaixo de vaias, de traidor e imperialista, comparando os instrumentos eletrônicos a influência do domínio da cultura americana na América Latina.
Mais milagrosamente, as vaias cessaram quando o mesmo começou a cantar. Nesse momento a obra superava as críticas e se eternizava na história.
Mais analisar essa música não é tão simples.
Uma coisa é o que o autor quer dizer, outra é o que as pessoas entendem. É bem melhor analisar uma obra com o distanciamento histórico da época, pois o autor sofria influência direta do tempo em que vivia e hoje nós analisamos mais as influências e as mudanças, do que as verdadeiras intenções propostas.
Talvez por isso as vezes nem os próprios autores consigam dizer claramente o que sentiam na época.
Existem dois fatos muitos pitorescos na letra dessa música, um é a citação de um jornal clandestino, que circulava na época e o outro é a citação ao existencialismo de Sartre. Vamos por partes.

O sol nas bancas de revista. Jornal ou Astro Rei?

Por muito tempo achei que Caetano falava do astro rei refletido nas bancas de revista, hoje é consenso entre os críticos, que ele fala do jornal de oposição, o sol, e faz uma crítica a confusão política da época, com o excesso de notícias e a desinformação, talvez o mesmo se sentisse confuso também, pois na letra cita, alegria e preguiça.
Na verdade, o jornal O Sol, não era tão clandestino assim, ele circulava como complemento cultural do jornal dos esportes, técnica utilizada no regime militar para driblar os órgãos de repreensão, pois encartado dentro de outro periódico não chamava tanta atenção. Trazia notícias e pontos de vistas claramente de oposição ao governo Costa e Silva, presidente da época.
Vale a pena conferir o documentário, O Sol – caminhando contra o vento, de Tetê Morais e Marcelo Alencar, contando a história do periódico, inclusive com depoimentos de Caetano Veloso.

O Empréstimo Poético do Existencialismo

A frase nada nos bolsos é um empréstimo poético, retirada do livro, as Palavras, de Jean Paul Sartre. Talvez Caetano não tenha se aprofundado no tema do existencialismo, talvez só tenha lido a obra e utilizado a frase como recurso poético, mais o certo é que o existencialismo de Sartre exercia grande influência sobre o pensamento dos conturbados anos 60 e deve ser considerado. Pois se vê na poesia da música várias referências ao abandono dos velhos dogmas, e ao direito de escolha, característica do existencialismo de Sartre. Caetano também faz uma analogia, onde roca sem lenços e sem documentos, por sem livros e sem fuzil, ou seja, uma nova ordem onde não cabe mais a luta armada como instrumento de transformação e os dogmas já não são tão imutáveis como nas épocas passadas.
No meu ponto de vista, Alegria Alegria é uma tentativa de expressar sentimentos em relação aos momentos em que o mundo vinha passando. Um turbilhão de coisas, que vem num emaranhado, de cultura pop, contracultura, resistência e flexibilização. O que junto com outras obras, como Domingo no Parque de Gilberto Gil, deram início ao movimento chamado tropicalismo, abrindo novas perspectivas a música brasileira e a transformando profundamente.
Infelizmente essa ebulição cultural foi duramente interrompida pela repreensão do regime militar em que passava o Brasil, que a partir daquele ano de 1967, começava a entrar na sua fase mais dura.

Veja o Vídeo Original do Festival da Record:

Veja tambêm uma entrevista em que Caetano Fala sobre a música:

Ouça ou compre boas músicas nos serviços de abaixo:

Ouça boas músicas na Amazon Compre boas músicas na Apple Music OUça boas músicas no Deezer Ouça boas músicas no Google Play ImmubOuça músicas alternativas no Palco MP3 Ouça artístas alternativos no SounCloud Ouça Boas Músicas no Spotfy Ouça Rádios no Tunein Ouça Tudo no Youtube


Copyright © 2018-2019 @ Heitich Media Digital